Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Acessos:
Início do conteúdo da página

Últimas Notícias

  • Nota do Conselho Departamental à comunidade da ESCOLA DE MINAS
  • Conheça a Escola de Minas: Visita orientada ao Laboratório da Automação Predial e ao Laboratório Jardim
  • .Lançamento do Mapa Geológico do Quadrilátero Ferrífero
  • http://em.ufop.br/index.php/ultimas-noticias/326-143-aniversario-de-fundacao-da-escola-de-minas
    A Reitora da Universidade Federal de Ouro Preto, Professora Doutora Cláudia Aparecida Marliére de Lima e o Diretor da Escola de Minas, Professor Doutor Issamu Endo, convidam Vossa Excelência e Excelentíssima Família para as atividades comemorativas do 143º aniversário de fundação da Escola de Minas.

Developed in conjunction with Joomla extensions.

Grupo de Pesquisa da Escola de Minas constrói casas sustentáveis a partir de rejeitos de barragens

Breno Reis

 

Foto: divulgação.

 

Casas populares sustentáveis estão sendo construídas próximas ao Campus, no Morro do Cruzeiro, resultado de pesquisas do RECICLOS – CNPq, Grupo de Pesquisa em Resíduos Sólidos, coordenado pelo professor Ricardo André Fiorotti Peixoto, do departamento de Engenharia Civil da Escola de Minas.

As casas foram idealizadas como protótipos e são elaboradas utilizando-se recursos que garantem a sustentabilidade, como reutilização de água, estudo de insolação (orientação para o norte), uso de energia solar e de cobertura verde, dentre outros. Além disso, o concreto, a argamassa, os blocos para alvenaria e para pavimentação são produzidos a partir de rejeitos retirados de barragens de mineradoras.

O Reciclos desenvolveu um processo de separação dos resíduos produzidos pelas barragens, popularmente conhecidos como lama, para a produção de elementos destinados à construção civil. A reciclagem vem como uma solução inovadora e eficaz em um momento em que todo o país pôde conhecer o que são os rejeitos provenientes da mineração e os riscos de sua armazenagem.

O projeto foi finalizado e entregue às mineradoras em 2013, e a reciclagem de rejeitos poderia estar sendo aplicada desde então, reduzindo consideravelmente os níveis das barragens. Segundo o professor Ricardo Fiorotti, “os rejeitos depositados em uma barragem como a de Fundão, que rompeu recentemente na região de Mariana, aqui em Minas Gerais, uma vez processados, seriam capazes de abastecer o consumo de areia de uma cidade de médio porte por alguns anos”.

 

 

                Foto: divulgação

 

A filosofia do grupo

O RECICLOS possui uma equipe engajada na ideologia do consumo consciente e acredita na reutilização dos recursos. Assim, promove o desenvolvimento de tecnologias que possam ser úteis na produção de elementos usados normalmente pela construção civil. Os estudos visam à busca de soluções técnica, econômica e ambiental de resíduos sólidos.

A equipe é composta por doze mestrandos, um doutorando, quatro alunas de iniciação científica, uma estagiária, um pesquisador e um técnico, além do coordenador, o professor Ricardo Fiorotti.

Diversos prêmios conquistados pela equipe mostram o reconhecimento de seu valor para a ciência e a comunidade, com soluções inovadoras e eficazes. Entre as premiações destacam-se: Prêmio do Concurso de Tecnologias Sociais do Banco do Brasil, Prêmio Instituto Falcão Bauer, Prêmio Péter Muranyi 2015 e o Prêmio Jornal Le Monde Diplomatique, na França.

Para realizar seus estudos, a equipe dispõe de um moderno laboratório de pesquisa, o Laboratório de Materiais de Construção Civil (LMC²/UFOP). Fomentado por agências como FAPEMIG, CNPq e CAPES, além de parcerias no setor privado, o laboratório possui equipamentos e tecnologia avançada na produção de resultados. Os dados obtidos nas análises no LMC² são utilizados em diversas pesquisas por alunos de graduação, pós-graduação e por professores com publicações nacionais e internacionais.

O grupo é parceiro da Fundação Gorceix, Arcelor Mittal, CAPES, CEFET-MG, CNPq, FAPEMIG, Green Metal Inc, MMX, PROPEC, PROPEMM, UFOP e Vale.

 

Fim do conteúdo da página